A pontuar desde 2003.

segunda-feira, maio 17, 2004

Surrealismos.

Uma piscadela de olho a Dalí, numa homenagem totalmente involuntária.

Sempre que cozo o que quer que seja, sobretudo vegetais, escolho uma panela muito maior do que o aparentemente necessário por um motivo muito simples - não há nada mais singelamente encantador que o bailado de uma cenoura bébé.

|